Como gerar sua ideia lucrativa para curso online

Morgan Timm | Wilson Monteiro

É provável que você já tenha algum tipo de ideia vaga sobre o que gostaria de criar como seu curso on-line. Você tem seus próprios interesses e paixões, e talvez você já tenha um negócio on-line.

A partir daí você tem algumas ideias, mas não sabe qual pode ser a certa para você.

Vamos pegar sua ideia vaga e transformá-la em um tópico sobre como ganhar dinheiro.

A chave aqui é casar suas paixões e habilidades com os desejos e necessidades do seu público.

Como criar sua ideia lucrativa de curso

A ideia certa pode significar a diferença entre um lançamento de transformação de vida e algo que se torna chato e sem lucro.

Felizmente, tenho estratégias comprovadas para apresentar sua ideia de curso e vou compartilhar meu método com você.

O que você aprenderá com esta postagem do blog:

  • Como gerar brainstorming de ideias
  • Como compactar suas ideias de cursos
  • Como validar sua ideia de curso
  • Como refinar seu tópico do curso

Comece com o que você tem

Seja você um blogueiro, professor, Coach ou apenas um entusiasta em seu nicho, veja o conteúdo que você criou ou ideias que você já fez brainstorming antes de começar de novo.

Se você já é um treinador ou professor

Você pode transformar um currículo ou programa offline existente em um curso on-line. Quais dos seus programas são os mais populares? Que perguntas seus clientes fazem mais?

As chamces são de que sua clientela existente já lhe disse exatamente que tipo de curso você deve criar. Se eles estiverem interessados em sua especialização em forma de coaching, eles também estarão interessados no formato do curso.

Se você já é um criador de conteúdo

Olhe para sua Analytics. Quais conteúdos estão recebendo mais engajamento e tráfego? É provável que você seja visto como um especialista em seus tópicos de alto tráfego por seu público.

Você também pode olhar para seus comentários e mensagens na mídia social. Quais perguntas as pessoas estão fazendo? Você ouve uma ou duas perguntas repetidas vezes? Esse pode ser um bom lugar para começar a restringir um tópico do curso.

Se você já é proprietário de uma empresa no seu nicho

Talvez você nunca tenha ensinado um dia em sua vida, mas você tem um negócio no nicho em que está criando um curso e gerou processos e sistemas para praticamente tudo.

Transforme esses processos e sistemas em um currículo! Por exemplo, se você é um designer de interiores, anote passo-a-passo cada coisa que você faz para abordar a decoração de uma sala, por exemplo.

Se você está começando do zero

Primeiras passos: parabéns por começar esta nova jornada! As coisas estão prestes a ficar muito interessantes para você.

Com seu novo começo, você pode construir uma marca e criar um curso sobre qualquer assunto. Descubra o que você gosta de fazer e o que você pode ensinar às pessoas. Agora tente descobrir onde os dois se encontram

Encurtando

Teoricamente, você pode criar dezenas de cursos on-line e dar vida a todas as suas ideias brilhantes. Mas, na linha de raciocínio desse post, vamos assumir que sua meta seja lançar seu primeiro curso on-line lucrativo o mais rápido possível.

Restringir seu curso por:

  • Descobrir qual seria o mais fácil, o mais rápido e o mais barato para você criar. Isso eliminará possíveis obstáculos.
  • Qual curso você mais gostaria de criar? Se você está se divertindo criando seu curso, é menos provável que você se queime ou perca a motivação.
  • Quais tópicos se alinham com seus objetivos de longo prazo? Criar um negócio sustentável e de longo prazo significa pensar no futuro.

Deseja uma aula Master sobre como criar seu curso online?

Inscreva-se hoje para o Webinário GRATUITO EXPERT EXPERIENCE, que fornece insights inéditos sobre o que funciona e ferramentas de referência ao criar seu próprio plano de conteúdo. Eu quero minha vaga no Webninário


Valide seu tópico do curso

Validar sua ideia de curso on-line é essencial se você estiver preocupado se terá ou não algum interesse em seu curso.

Divido meu processo de validação em quatro etapas diferentes: pesquisar, perguntar, ouvir e testar. Aqui está um breve resumo de como fazer cada um.

Busca

A busca é a maneira mais fácil e rápida de validar o tópico do seu curso. Tudo o que você faz é pesquisar na Internet para ver o que outras pessoas estão procurando, clicando e interagindo.

O BuzzSumo é uma ótima ferramenta para ver qual conteúdo on-line está atraindo mais atenção. É particularmente útil para ver o que está sendo compartilhado nas mídias sociais.

Outra ferramenta é o Amazon Kindle Store, que na verdade é um mecanismo de pesquisa repleto de e-books e outros produtos de informação. Você pode procurar ebooks bem sucedidos em seu tópico.
Ouça
Veja o que as pessoas no seu público-alvo já estão se perguntando. O Quora é um lugar para as pessoas fazerem qualquer tipo de pergunta e esperar que os especialistas no assunto avaliem as respostas. É valioso para você ver não apenas as perguntas que as pessoas estão fazendo, mas também como as outras pessoas estão respondendo.
  • Você percebe algum especialista no assunto? Quais produtos eles estão promovendo?
  • Você percebe um determinado tópico provocando uma discussão ou debate?
  • Há muitas pessoas opinando, mas não há respostas conclusivas?
  • Todos estão dizendo a mesma coisa, mas faltando alguma coisa?
  • As pessoas se ligam a recursos externos? Que qualidade são esses recursos?

Pergunte

Obtenha a resposta se as pessoas comprarão diretamente da fonte. O problema é que você não pode perguntar porque muitas vezes as pessoas não conseguem prever com precisão o próprio comportamento futuro.
Em vez disso, você precisa fazer perguntas que lhe dirão quais desafios as pessoas estão enfrentando. Se seu curso resolve seus problemas, isso é um bom sinal de que as pessoas comprarão.

Algumas maneiras de perguntar são:


  • Faça perguntas em mais fóruns ou grupos de nicho, se houver algum em seu setor ou disciplina
  • Crie uma pesquisa para compartilhar com seu público, usando um serviço como o Survey Monkey, o Ask Your Target Market ou o Google Forms
  • Faça LIVES de 20 a 30 minutos ou encontre-se pessoalmente para que você possa ler a linguagem corporal e aprender mais do que faria no telefone.
  • Grave entrevista, mas peça permissão primeiro.
  • Encontre pessoas para entrevistar enviando sua lista por e-mail, perguntando nas redes sociais ou até mesmo perguntando pessoalmente.
  • Não ofereça incentivos do nada. Somente dê um presente em troca de tempo se você tiver dificuldade em fazer com que as pessoas conversem com você. Mesmo um pequeno cartão-postal online pode influenciar a opinião de alguém e, subconscientemente, ele pode fornecer as respostas que você deseja.

Testando

A ideia é colocar um produto na frente do seu público e ver se ele está interessado em comprar. Este pode ser um item de ticket menor, como um e-book ou PDF.
Ao invés de começar direto com um produto pago, você pode usar um ímã de leads. Isso permite que você veja se seu público está disposto a lhe dar algo em troca de sua experiência. Nesse caso, é apenas o endereço de e-mail deles.

Assim que você tiver seu pé na porta, será mais provável que ele pague por seus produtos no futuro.


Refinando seu tópico

Quanto mais nichado você puder ser com o tópico do seu curso, melhor. Se você é muito amplo, você ficará no estágio de criação para sempre. Tente reduzi-lo a um processo de transformação específica. Por exemplo:
Em vez de criar um curso sobre como abrir sua própria loja on-line no Shopify, você poderia criar um curso guiando seu público atravésda criação da sua própria loja online vendendo sabonetes artesanais no Shopify enquanto equilibra seu trabalho em tempo integral.
É importante tentar não ser tudo para todos. Seria tão atraente dizer que seu curso poderia ajudar cada vendedor do Shopify, mas isso não é realista. Pense em quem se beneficiaria mais com sua experiência e customize seu curso on-line para eles.
Vamos dar mais alguns exemplos de como obter informações essenciais com a sua ideia de curso on-line. Vamos assumir que o seu nicho é design de interiores e você quer ensinar as pessoas a decorar suas salas de estar.
Em vez de dizer: “Todos com uma sala de estar! Este é o curso on-line para você! ”Reduza-o. Seu curso não deve ser "Como decorar sua sala de estar". Em vez disso, pode ser "Como decorar sua sala por menos de R$1.500" ou "Como decorar sua sala com brechós" ou "Como decorar sua sala de estar como um minimalista.”
As pessoas querem se sentir como se estivessem comprando um produto para elas, parece mais pessoal e deixa seu público animado.

Acesso o Guia Prático de Lançamento de Cursos Online

OK, um último exemplo de refinamento e redução de uma ideia de curso online.
Digamos que o seu nicho seja culinária vegana. Você poderia dizer que seu curso é para todos os vegans de todos os tempos, mas então você teria que se concentrar em criar receitas para atender a todos os tipos de dieta. Você precisa considerar pessoas que possam ter alergias alimentares ou necessidades alimentares específicas.
Em vez disso, você pode criar o "curso de comida vegan comfort" ou "Como direcionar veganos através do cultivo de seus próprios produtos."
Longa história curta
Tenha um público específico em mente, pois você não pode deixar todo um nicho inteiro feliz com seu curso on-line. Certifique-se de que você o reduziu e está oferecendo algo específico e interessante.


Quais são as suas ideias de curso? E se você tiver alguma dúvida, não deixe de me informar nos comentários!